Gabriela Pepino! | Jardin.

Gabriela Pepino!

Na última edição do I Love Jazz, muitos dos espectadores não estavam preparados para conhecer uma das grandes revelações dos últimos tempos na música mineira! E ninguém estava preparada praquele VOZEIRÃO que saía da cantora Gabriela Pepino, o tipo de voz que só estamos acostumadas a ouvir saíndo de cds e vinis antigos.

.

E pra celebrar essa artista incrível, preparamos uma super entrevista totalmente exclusiva para a Jardin! Confira abaixo.

.

.

Jardin: Como você começou a carreira de cantora?

Gabriela Pepino: Me considero uma cantora de estilos que casam entre si. O jazz, o blues, o soul e o pop contemporaneo, todos fazem parte da minha construcao como artista.
Comecei meus estudos desde cedo, a partir dos 12 anos de idade na Babaya Escola de Canto. Com os meus 14, comecei a compor, e quando fiz 17, fui estudar na Berklee College of Music , em Boston/EUA. Quando voltei, comecei oficialmente a minha carreira como cantora profissional.

.

Jardin: Quais suas principais referências e influências?

Gabriela Pepino: Minhas principais referencias sao o jazz, blues e soul americano. Minhas influencias vao desde Ella Fitzgerald e Etta James, ate o mais puro som da Motown. Hoje, tenho gostado muito do som das Inglesas. Gosto de fazer o retro, com um toque de modernidade.

.

Jardin: Sobre o seu estilo: que looks você gosta de usar nos palcos? Você diria que é algo mais elaborado do que seu estilo do dia-a-dia ou você tenta manter o de sempre?

Gabriela Pepino: Para o palco, adoro estar bem maquiada, sempre uso cilios posticos, e uso roupas que chamem a atencao dentro do meu proprio estilo. Gosto da roupa mais classica, com um toque moderno. Portanto, sempre irao me ver com vestidos elaborados, ou misturas de pecas que podem ser usadas para um almoco por exemplo com algo mais glamuroso, para noite. Isso funciona muito para o palco e para o estilo de musica que canto.

.

Jardin: Como foi tocar em casa, no festival I Love Jazz e nos outros festivais que você já participou?

Gabriela Pepino: Tocar no I Love Jazz foi maravilhoso. Já participei varias vezes do festival Tudo é Jazz de Ouro Preto, e no ano passado, participei do festival Jazz in Marciac na Franca, que é o maior festival de jazz do país…. Mas sem duvida, o público do I Love Jazz me surpreendeu. Primeiro pela educação, e segundo pelo carinho que tiveram comigo! Realmente fiquei muito feliz com o resultado, pois conseguir fazer um show em um espaço público e realmente nao é fácil!

.

Jardin: Quais seus planos pro futuro? Os próximos shows?

Gabriela Pepino: Estou gravando o meu primeiro CD que se chamara Let Me Do It,  e está com o lançamento previsto para 30 de novembro no Teatro Sesi-Minas. Depois deste lançamento, iremos começar no ano que vem, a turne de divulgação do mesmo. O CD está maravilhoso e conta com uma banda de peso, tendo como participação especial a cantora Marina Machado e a Orquestra do Sesi Minas. No final do ano, estarei no Reveillon de 50 anos do PIC Clube, onde dividirei o palco com outra atração, a banda SKANK. Também terei várias outras apresentações ao longo do semestre!

.

Para conferir videos da Gabriela cantando, acesse o canal dela no Youtube.