O CONCEITO JARDIN

A semente da Jardin veio do sonho de criar uma moda com personalidade, composta por peças que traduzem as necessidades da mulher contemporânea em toda a sua dinâmica e sua forma multifacetada.

O conceito da Jardin se apoia em materiais modernos e de primeira qualidade, corte e acabamento impecáveis e um caimento que valoriza a silhueta, sem marcar o corpo.

A Jardin acredita que a sofisticação vem da simplicidade e nos deixa livre para adaptar composições, não só de acordo com a ocasião, mas também imprimindo notas pessoais. Esta é a proposta da marca: uma moda casual chique e, ao mesmo tempo, extremamente versátil – curingas ou peças-chave cheios de personalidade que, dependendo da produção, cabem no cotidiano e nos diversos papéis da mulher atual.

BHÁRBARA RENAULT ASSINA O ESTILO JARDIN.

A moda descobriu a Bhárbara ainda pequena. Com o tempo, o inevitável aconteceu: depois de percorrer diversos caminhos paralelos e complementares a essa indústria, surgiu a vontade de criar peças próprias que refletissem uma interpretação pessoal do feminino e do contemporâneo.

Formada em Artes Plásticas, Bhárbara trabalhou em Belo Horizonte como designer gráfica para diversas agências, mais especificamente com a publicidade e a comunicação de moda. Quando a vontade surgiu, a estilista desenhou o seu caminho de forma consequente: uma pós-graduação em solo brasileiro e um mestrado na França. Junto a isso, acumulou experiências profissionais na área de pesquisa de tendências em uma marca prêt-à-porter francesa com presença global, e com uma longa assessoria a uma empresa nacional de calcados e bolsas, conhecendo assim a dinâmica dos diferentes mercados.

A Jardin é uma consequência natural de um desenvolvimento e um amadurecimento pessoais, que refletem Bhárbara não só como estilista, mas como mulher. Para ela, a Jardin, mais do que a realização de um sonho, é a execução de um conceito.